quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

Um pouquinho de mim...

Não gosto de nada pela metade. Não aceito nada pela metade. Amizade, amor, vida, tudo pra mim precisa ser por inteiro. Gosto de quem se joga de cabeça na vida e no que sente, GOSTO DE GENTE QUE SENTE! Gente que se esconde da vida, que não tem coragem de ser feliz não me cativa, não me prende. Minha vida é definida como um salto de bungee jumping, eu sempre me jogo de cabeça nela, preenchendo os espaços vazios com meus sentimentos, mas como no bungee jumping eu preciso de segurança, nada de amarras, mas algo em que eu possa confiar, confiar que no momento em que eu me jogar de cabeça eu vou saltar e não cair. Esta é a diferença de ter "algo" ou "alguém" em quem confiar, você não cai. Você flutua enquanto salta, VOCÊ VIVE! Você está sempre saltando, de cabeça, sem medo porque você não vai se machucar, você tem algo em que se apoiar, algo que fará você voar. E eu PRECISO voar, eu preciso SENTIR. Metades não me preenchem, quero tudo por inteiro, não peço nada que não posso oferecer, não aceito nada menos do que mereço!
Se estiver comigo, esteja!

Acredito fielmente e passo adiante: "Se não for pra me fazer voar, não tire meus pés do chão!"


Ester Neves - 11/01/2012


Um comentário:

Mari disse...

"Se não for pra me fazer voar, não tire meus pés do chão!"
Gostei.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...